cardapio-dia-3

[reeducação] – Cardápio dia 3

Uma das dicas que eu sempre dou para quem me pergunta sobre reeducação alimentar, é tratar cada dia como se fosse o primeiro e além de ter grandes metas, ter micro metas.

O que seriam micro metas ?

Todo mundo que começa uma dieta, já se vê com os XX quilos a menos no menor tempo possível. É do ser humano, é natural. A grande questão que envolve essas metas e prazos são as frustrações. O processo de adaptação do corpo a uma nova dieta, promove oscilações de peso durante o processo e mesmo você seguindo à risca as recomendações do médico, nutricionista ou o profissional que seja. Portanto, se você não emagrecer ou até mesmo elevar seu peso de uma semana para outra, é normal e faz parte do seu metabolismo.

As micro metas são pequenos índices, factíveis, para você atingir seus objetivos finais. Em 2011, quando comecei a reeducação alimentar pesava 139,4 kg (já tinha perdido um pouco comendo com moderação) e tinha uma orientação do cardiologista de atingir 120 kg como meta de qualidade de vida. A idéia de emagrecer 20kg assustava – “quanto tempo vou ter de comer isso???” “seis meses comendo mato, para perder esses 20kg?” era as perguntas que eu mais fazia antes de iniciar o processo. Os 20kg me assustavam e me afastavam do processo e da tentativa.

resultados_reeducacao_alimentar

Quando comecei, trabalhei com a meta de 120Kg desde o início e meu discurso era – com 120Kg eu paro e volto para minha vida e para minha surpresa (ou não), em 5 semanas eu já tinha perdido 10kg – 5kg só na primeira semana – e atingi a meta de 20Kg  em 2 meses e meio e pesar 120 kg deixou de fazer sentido para mim. Eu queria 105Kg, já que minha proposta iniciar eram 6 meses de regime (eu ainda encarava isso como regime). Porém o corpo já estava acostumado e qualquer deslize indicava na balança e os 5,1Kg eliminados na primeira semana viraram 0,5Kg ou até mesmo um aumento de 0,3Kg ou 0,4Kg de uma semana para outra. Nessa época entendi que as micro metas eram os pequenos objetivos que deveriam ser os fatores motivastes e recompensatórios durante o processo. No dia seguinte que cheguei aos 120 Kg, me dei de sobremesa  um prato com 8 morangos e uma colher medida de nutella – Detalhe que eu podia comer nutella a hora que quisesse, desde que respeitasse horários, quantidades e grupos alimentares – e foi o primeiro contato com chocolate em 2 meses e meio.

Chega de falar e vamos ao

Cardápio dia 3

 

Café da Manhã

 

2 banana com granola

1 porção de gelatina

Almoço

Salada de folhas verdes

Quiche de Peito de Peru com requeijão

quiche de peito de peru com requeijão

* não aguentei comer a fruta, pois mastiguei contando.

Jantar

Sanduiche de pão francês com lingüiça calabresa cozida em água, queijo branco, salada (alface e tomate) e 1 colher medida de maionese.

1 porção de Gelatina

1 fatia de abacaxi

 

 

 

 

<< Cardápio 2 Reeducação Alimentar Cardápio 4 >>

 

 

 


Comente

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

author
PorRicardo Cobra
Publicidade
Pop
Publicidade
Arquivos
Fique Ligado! Assine nossa newsletter
Receba todas as novidades do Homem na Cozinha

Todos os direitos reservados © Homem na Cozinha - 2006 - 2016