Coxinha… Quem não gosta de coxinha não merece ter acesso às outras maravilhas da culinária. Uma massa macia e saborosa com um frango desfiado bem temperado, é uma iguaria que eu coloco no mesmo patamar que iguarias importantes no mundo, como a Bruschetta na Itália, ou o caviar na Russia e assim por diante.

Vamos colocar aqui algumas premissas:

  • Formato – ESSENCIAL que ela tenha o formato tradicional da coxa de galinha;
  • Recheio – Frango temperado e só. O salgado com catupiry ou qualquer outra inovação, não é coxinha;
  • Coloração – Ela precisa ter o tom amarelado escuro que só um óleo bem quente e recente é capaz de fazer;

E me perdoem os fiscais da saúde, viva a gordura trans da fritura :).

Porém outro dia estava discutindo com amigos “Qual a maneira certa de se comer uma coxinha?”

 coxinha02 X  coxinha01