França proíbe que comidas vegetarianas sejam chamadas com termos semelhantes a “carne”

0
28

Carne é carne, vegetais são vegetais. O uso de nomes associando preparos essencialmente vegetarianos à comidas vegetarianas que tradicionalmente utilizam proteínas de origem animais está proibido na França.

Após votação dos parlamentares franceses, o uso dessa nomenclatura passou a ser proibido no país da manteiga.

Entre os termos proibido estão : “hambúrguer”, “bife”, “salsicha” ou “filé” para descrever alimentos que não contêm carne, como fatias de “presunto” ou tortas de “frango” feitas de soja ou trigo.


Produtos lácteos também se  incluem na proibição

Logo, hambuguer vegetariano, leite vegano, carne moída de soja, entre outros termos estão proibidos de serem usados. A alegação do parlamento é de que a utilização desses termos enganam os consumidores.

Ressalta-se que a a proibição também se aplicará às alternativas lácteas,

Essa proibição não é uma novidade. Em 2017, o Tribunal de Justiça Europeu julgou que produtos de soja e tofu não poderiam ser comercializados como “leite” “queijo” ou “manteiga”.

Caso os produtores de alimentos insistam na utilização de tais termos, as multas previstas podem chegar até € 300.000.


As Reações

Wendy Higgins, da Humane Society International, disse: “É uma pena que, em vez de abraçar comida vegana e vegetariana, a França tenha adotado uma posição de paranoia defensiva. Mas, no fim das contas, isso não impedirá a ascensão da comida compassiva.” Os benefícios éticos e ecológicos prevalecerão independentemente do que você chamar de produtos ”.

Já na Grã-Bretanha, a reação foi dividida entre a dúvida de a indústria de carne francesa estava se sentindo ameaçada pelo aumento da popularidade da comida vegana; outros duvidavam que os consumidores fossem confundidos.

Um deles disse: “Isso é ridículo. Agora posso dizer que nenhum carnívoro comprou salsichas veganas pensando que estavam comprando carne.”

Via: The Independent


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here