segunda-feira, julho 15, 2024
Início Site

Molho Bolonhesa

0

Dia Internacional da Tequila

0

Dia Internacional da Tequila: Uma Celebração Global de um Símbolo Mexicano

No dia 24 de julho, amantes de tequila ao redor do mundo se reúnem para celebrar o Dia Internacional da Tequila. Esta data não é apenas uma oportunidade para desfrutar dessa icônica bebida mexicana, mas também para conhecer sua rica história e importância cultural. Neste post, exploraremos por que esse dia é comemorado, suas origens e algumas curiosidades fascinantes sobre a tequila.

A Origem do Dia Internacional da Tequila

A escolha do dia 24 de julho para celebrar a tequila não é aleatória. A data foi oficializada em 2006 pelo Conselho Regulador da Tequila (CRT), uma organização mexicana responsável por regulamentar a produção e a qualidade da tequila. O objetivo era promover a bebida e aumentar sua visibilidade global. Desde então, o Dia Internacional da Tequila tem ganhado popularidade, com eventos e festividades realizados em diversos países.

A História da Tequila

A tequila tem suas raízes profundamente fincadas na cultura e na história do México. A bebida é destilada a partir da planta de agave azul (Agave tequilana Weber), nativa das regiões de Jalisco, Nayarit, Guanajuato, Michoacán e Tamaulipas. A produção de bebidas fermentadas de agave remonta aos tempos pré-hispânicos, quando os povos indígenas, como os Nahuas e os Otomis, produziam uma bebida chamada “pulque” a partir da seiva da planta.

No entanto, a tequila como a conhecemos hoje começou a ser desenvolvida após a chegada dos espanhóis ao México. No século XVI, os colonizadores introduziram técnicas de destilação que, combinadas com o pulque indígena, deram origem à tequila. A primeira destilaria de tequila foi estabelecida em 1600 por Don Pedro Sánchez de Tagle, marcando o início de uma longa tradição que continua até hoje.

Curiosidades Sobre a Tequila

A tequila é uma bebida envolta em mitos e tradições. Aqui estão algumas curiosidades interessantes sobre essa bebida única:

  1. Denominação de Origem: Assim como o champanhe na França, a tequila possui uma Denominação de Origem (DO). Isso significa que apenas a bebida produzida em determinadas regiões do México, seguindo regras específicas, pode ser chamada de tequila.
  2. Tipos de Tequila: Existem diferentes tipos de tequila, categorizados pelo tempo de envelhecimento. A tequila “blanco” ou “silver” é engarrafada logo após a destilação ou após um curto período de descanso. A “reposado” é envelhecida em barris de carvalho por pelo menos dois meses, mas menos de um ano. A “añejo” é envelhecida por um período de um a três anos, e a “extra añejo” é envelhecida por mais de três anos.
  3. Processo de Produção: A produção da tequila é um processo meticuloso. A planta de agave leva cerca de 8 a 12 anos para atingir a maturidade antes de ser colhida. As piñas (corações da agave) são então cozidas, trituradas para extrair o suco, fermentadas e finalmente destiladas. Saiba aqui como a Tequila é produzida.
  4. Lendas e Tradições: Diz a lenda que a tequila foi descoberta após um raio atingir uma planta de agave, fazendo com que a seiva fermentasse e criasse um líquido alcoólico. Além disso, muitas tradições envolvem o consumo de tequila, como a famosa sequência “limão, tequila e sal”.
  5. Saúde e Bem-estar: Estudos recentes sugerem que o consumo moderado de tequila pode trazer benefícios à saúde. A agavina, um açúcar natural encontrado na planta de agave, tem sido associada à perda de peso e ao controle do diabetes. No entanto, é importante lembrar que o consumo excessivo de álcool traz riscos à saúde.

Como Celebrar o Dia Internacional da Tequila

Celebrar o Dia Internacional da Tequila pode ser uma experiência divertida e educativa. Aqui estão algumas maneiras de comemorar essa data especial:

  1. Degustação de Tequila: Organize uma sessão de degustação para explorar os diferentes tipos de tequila. Aprenda a apreciar os aromas e sabores distintos de cada variedade.
  2. Coquetéis de Tequila: Experimente preparar coquetéis clássicos e inovadores com tequila. Margarita, Paloma e Tequila Sunrise são algumas opções populares.
  3. Visita a Destilarias: Se você estiver no México ou em uma região produtora de tequila, considere visitar uma destilaria para aprender mais sobre o processo de produção e a história da bebida.
  4. Harmonização Gastronômica: Descubra como a tequila pode ser harmonizada com diferentes pratos. Desde tacos e guacamole até sobremesas como churros, a tequila pode complementar uma variedade de sabores.
  5. Compartilhando Conhecimento: Use as redes sociais para compartilhar curiosidades e informações sobre a tequila. Engaje seus seguidores com posts educativos e inspiradores.

O Dia Internacional da Tequila é uma celebração global de uma bebida que é muito mais do que apenas um destilado. É um símbolo de tradição, cultura e história mexicana. Ao comemorar essa data, não apenas apreciamos o sabor único da tequila, mas também homenageamos as gerações de produtores que dedicaram suas vidas a manter viva essa herança. Então, no dia 24 de julho, levante um copo e celebre a tequila com respeito e alegria. Salud!

Bacalhau á Brás

0

Acredita-se que o Bacalhau á Brás tenha sido criado em Lisboa, no bairro da Mouraria, por um taberneiro chamado Brás, ou Braz, daí o nome do prato. O taberneiro teria inventado a receita como uma maneira de aproveitar as sobras de bacalhau e batatas fritas, misturando-as com ovos e cebola para criar um prato saboroso e substancial.

O Bacalhau à Brás se tornou rapidamente popular não só em Lisboa, mas em todo o país, e hoje é uma das receitas de bacalhau mais apreciadas e reconhecidas em Portugal. A simplicidade e a combinação de sabores fazem desse prato um verdadeiro clássico da culinária portuguesa, presente tanto em restaurantes tradicionais quanto em lares portugueses.

Essa origem ajuda a entender porque o Bacalhau à Brás é um prato tão querido e difundido, mantendo-se fiel às suas raízes simples e saborosas.

vamos ver a receita:

Batata Rosti Recheada

0

Molho Sugo

0

Arroz de Polvo

0

Baião de dois

0

Todo mundo sabe que o arroz e o feijão formam o par perfeito do Brasil, uma dupla imbatível na preferência dos brasileiros. E no Ceará aconteceu o casamento feliz, uma união mais que perfeita: o Baião de Dois.

Todo o sucesso dessa união vem do seu valor nutritivo. A união do arroz e feijão produz uma química que extrapola apenas o sabor para formarem uma perfeita e saudável combinação protéica.

O arroz com o feijão se completam, o que falta em um, o outro fornece. Os grãos de arroz contêm metionina, um aminoácido deficiente no feijão, e os de feijão contém lisina, aminoácido deficiente no arroz.

Origem do nome Baião de Dois

Voltando à nossa dupla famosa, ela é a comida básica dos brasileiros, e ainda traz um sentido unificador, representando a união do branco com o preto.

O termo “baião”, que deu origem ao nome do prato, designa uma dança típica do nordeste, por sua vez derivada de uma forma de lundu, chamada “baiano”. A origem do termo ganhou popularidade com a música Baião de Dois, parceria do compositor cearense Humberto Teixeira com o “Rei do Baião”, o pernambucano Luís Gonzaga, na metade do século XX.

A história

A história do baião de dois é do tempo das dificuldades das pessoas do sertão no período da seca, em que não podiam estragar nada; assim, uniram o arroz, o feijão, o queijo de coalho, a carne de sol, a manteiga de garrafa e criaram um prato só.

E assim estava pronto o Baião de Dois, que sempre foi fundamental para dar sustento aos vaqueiros.

Por ser um prato saborosíssimo, em função da composição de seus ingredientes, ganhou projeção nacional e hoje pode ser saboreado em vários estados brasileiros, principalmente do nordeste do país.

Baião de Dois

Atualmente

A receita de hoje é a mais próxima possível da original, uma vez que houve muitas adaptações regionais.

Seus ingredientes podem ser encontrados em alguns supermercados de todo o Brasil, bem como nas famosas “Casa do Norte”, espalhadas por várias cidades.

confira a nossa receita de bolinho de baião de dois

Dia do Ketchup

0

Dia Mundial do Malbec

0
Especial dia do Bacon